SET SUL 2015: MiniCom reafirma diálogo com o setor de radiodifusão para avançar no processo de desligamento analógico

foto cerimoniaA cerimônia de abertura do SET Sul 2015 contou com a presença de João Rezende (Anatel); Jovino Pereira (MiniCom); Márcio Villela (AERP); José Pio Loureiro (Universidade Positivo); Olímpio Franco (SET); Ivan Miranda (RPC TV/SET)

O reitor da Universidade Positivo, José Pio Loureiro disse na primeira alocução do SET SUL que “a crise atual é o recomeço, pensando em crise moral, econômica e política, pensando que em alguns momentos em que a crise não representa apenas o fim de um ciclo, senão um grande recomeço, estamos em um recomeço. Estamos vivendo uma grande ruptura, e quem não entenda isso ficará para trás”

Por isso, os 20 anos de maior inovação tecnológica foram os que se seguiram a grande crise de 1930 foram as que deram base a prosperidade do mundo nas décadas seguintes por isso, estamos em uma grande crise que precisa de revolução da infraestrutura e uma revolução da postura educacional. “E nessa crise, o setor de telecomunicações será fundamental em este processo de revolução”, por isso, é “tão importante sediar eventos como este na nossa Universidade”.

Ivan Miranda (RPC TV/SET) afirmou aos mais de 200 profissionais e associados da SET presentes no auditório da Universidade Positivo em Curitiba que a chegada do SET SUL a cidade é parte de uma estratégia. “A diretoria Regional Sul da SET pretende levar o evento a todos os estados da Região”. Ainda afirmou que o tema central do evento “é o desligamento tem especial atenção porque precisamos ver as variáveis do processo, e para isso precisamos de um trabalho conjunto para que a transição seja transparente para o telespectador e para que este entenda as mudanças”.

Ivan Miranda (SET/RPC TV)

Ivan Miranda (SET/RPC TV)

O presidente da SET, Olímpio Franco disse ser um prazer estar novamente na Universidade Positivo “na região sul os eventos são muito participativos” e explicou que a SET está trabalhando muito para “atrair novos públicos ao SET EXPO e ao Congresso SET pelo que tem avançado com novos pavilhões como o da rádio e o de novas mídias, e ainda um pensando para as universidades”.

Franco disse que a “SET está em um momento bom, um momento de crescimento e de trabalho para fazer crescer a entidade e as suas atividades”.

João Rezende (Anatel)

João Rezende (Anatel)

O presidente da Anatel, João Rezende disse sentir-se honrado por estar na “universidade Positivo no evento da SET, e mais ainda por estar junto ao reitor, porque José Pio Loureiro foi o meu professor em Londrina”.

Falando da Anatel, afirmou que “hoje cuidamos de telecomunicações, mas cuidamos também de radiodifusão. Estamos no meio de um processo positivo para o Brasil que decorrerá até 2018, um processo fundamental para o país. Agora estamos no processo de decisão dos set-top boxes”, que será muito importante “para definir o que o governo dará aos inscritos no Bolsa Família” entorno de 14 milhões, e com isso “seguimos o caminho de desligamento”,

A digitalização não afeta só a expansão da banda larga móvel, mas em muitas cidades vai liberar o canal 5 para as rádios FM. Propiciará uma TV Digital com maior qualidades de imagem e uma revolução para quem tem rádio AM que serão digitalizadas”.

“O que queremos é melhorar a infraestrutura de telecomunicações do país e com uma convivência pacífica para que o cidadão brasileiro possa ter um excelente serviço tanto de telecomunicações como de radiodifusão”, disse Rezende.

Marcio Villela (AERP) afirmou que “é muito importante para a região a qualificação profissional em um tempo onde a definição dar regras do desligamento será preponderante para que o processo avance” e “por isso, o cenário deve ser assertivo não só para as emissoras de TV, como as emissoras de AM e FM para revitalizar o setor. A radiodifusão como um todo anseia e não mede esforços para atender a sociedade e trabalhar por um serviço de radiodifusão de excelência”.

Pela sua parte, Jovino Pereira disse que o MiniCom está “junto ao setor, e em nosso curto trabalho no Ministério já percebemos que é preciso desburocratizar os processos para dar soluções ao setor”. Por isso, Pereira disse que “precisa do apoio das entidades e da sociedade para sair do limbo em que muitos processos avancem e dessa forma nos transformemos em um país de avançada em TV Digital”.

O SET SUL 2015, Seminário de Tecnologia de broadcast e novas mídias Gerenciamento, produção, transmissão e distribuição de conteúdo eletrônico multimídia, terá importantes palestras, com destaque para o desligamento da TV Analógica, migração das AMs para a faixa FM, 4K, infraestruturas IP e interiorização da TV Digital, entre outros

O seminário se realiza nos dias 12 e 13 de Maio de 2015 em Curitiba, Paraná, das 9:00 às 19:00H na Universidade Positivo Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 Curitiba – Paraná, e conta com a parceria Institucional: RPC TV/Universidade Positivo.

Confirma a programação completa em:

http://www.set.org.br/eventos_regionais_sul.asp?ano=2015

Por Fernando Moura, em Curitiba

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s